Corpos dos mortos no Rio são identificados por DNA

IML identifica corpos de vítimas fatais em Teresópolis apenas através de DNA


16/01/2011 - 5:07 - G1
Corpos dos mortos no Rio são identificados por DNA
Familiares fazem filas em busca de identificar parentes na porta do IML

Apesar da fila de parentes que se forma diariamente na porta do Instituto Médico Legal (IML) de Teresópolis, a identificação das vítimas das chuvas só se dará por exame de DNA. A informação foi confirmada pelo juiz da 2ª vara de família de Teresópolis, José Ricardo Ferreira de Aguiar.

De acordo com ele, inicialmente, o reconhecimento era feito visualmente. Após 48h, quando os corpos começaram a entrar em decomposição, passou a ser por foto. Agora, quatro dias depois da tragédia, somente por DNA. “É uma questão de saúde pública. Já foram reconhecidos 259 corpos em Teresópolis. O exame é feito e o corpo é enterrado logo em seguida”, explicou o magistrado.

Ainda segundo Aguiar, o enterro é realizado mesmo sem o reconhecimento da família. “Quando sair o resultado do DNA, aqueles que não reconheceram, nem sepultaram seus parentes, poderão buscar a Justiça ou o Executivo para obter confrontamento de DNA e retirar a certidão de óbito. A família também poderá fazer o translado do corpo para novo enterro”, afirmou o juiz.

  • Matérias Relacionadas:

1 Comentário

  1. janice david em janeiro 2011 às 11:25

    tenho irmão nesta região e não tenho noticia estou angustiada pois meu sobrinho estava com ele , nao consigo falar por telefone e ele não me liga . O nome dele é Jamilton Luiz David e o nome do filho é Mailton Lucas David , se alguem solber de alguma coisa entrar em contato em email ou telefone , email : hugo_rampa@hotmail.com , telefone : 33234423 .

Deixe seu comentário