Justiça determina a prisão do acusado de matar Kaisa Helena

Washington Barros é acusado de matar por estar inconformado com fim do casamento em Teresina


02/12/2010 - 11:17 - Da Redação

A delegada do 24º Distrito Policial no Bairro Renascença II, Laura Monteiro, está nas mãos com um mandado de prisão preventiva contra Washington Barros Silva acusado de assassinar com um tiro fatal a ex-esposa Kaisa Helena Lima de Sousa, no dia 04 de novembro, em um posto de combustível em Teresina. O acusado agora é considerado foragido da Justiça do Piauí.

O casal tinha uma filha e a vítima teria sido assassinada porque o marido não aceitava a separação. “Nosso maior prazer é ver esse assassino na cadeia para pagar pelo crime bárbaro que cometeu. Ai nós estaremos mais aliviados da dor”, disse o pai da vítima, empresário Valter Leite Sousa.

  • Matérias Relacionadas:

Deixe seu comentário